Pastor é assassinado na frente da esposa e filhos, na Colômbia

Nenhum comentário
Pastor é assassinado na frente da esposa e filhos, na Colômbia

O pastor colombiano Plinio Rafael Salcedo, de 39 anos, foi morto em estranhas circunstâncias no último sábado, 10 de agosto.

Ele estava descansando em casa, na cidade de La Caucana, localizada no noroeste da Colômbia, quando, repentinamente, homens armados invadiram a casa e dispararam múltiplos tiros contra ele, na frente da esposa e filhos.

O pastor liderava uma igreja pentecostal da denominação Movimento Missionário Mundial e era altamente reconhecido e admirado na comunidade.

Sebastian Villalba*, membro da Portas Abertas na Colômbia, conheceu o pastor Salcedo e o descreve como um homem apaixonado pelo evangelho, que gostava de aprender e pregar sobre Cristo e a palavra de Deus.

A região onde o pastor morava tem passado por uma profunda crise provocada pela disputa de poder entre grupos armados e grupos guerrilheiros da Colômbia.

Em vista da morte do pastor, a Portas Abertas vai enviar uma equipe de cuidados especiais para estar com a viúva, providenciando apoio e companhia para a família.

A Colômbia ocupa a 47ª posição na Lista Mundial da Perseguição 2019 e a presença de unidades de guerrilha, crime organizado, tráfico de drogas e gangues violentas continua sendo uma ameaça para todo o ministério da igreja.

Sequestros, ameaças de morte, assassinatos, ataques contra igrejas, a perseguição a convertidos cristãos em comunidades indígenas são ocorrências comuns no país.

*Nome alterado por segurança.

Fonte: Portas Abertas

Nenhum comentário

Postar um comentário