Extremistas ameaçam sacrificar pastor a deus hindu por evangelizar na Índia

Nenhum comentário
Extremistas ameaçam sacrificar pastor a deus hindu por evangelizar na Índia

Antes de ter perdido a consciência, a última coisa que o pastor Shelton Vishwanathan lembra é de ser ameaçado por extremistas de ser oferecido como sacrifício a um deus hindu em um vilarejo no nordeste da Índia.

“Eles me deram um soco nas costas e disseram que me ofereciam como um sacrifício à sua divindade como punição por distribuir folhetos evangélicos”, disse ele ao Morning Star News. “Eles deram golpes muito fortes na minha cabeça e eu acabei desmaiando”.

Em 5 de outubro, o pastor foi alertado por seis hindus radicais a parar de distribuir panfletos na vila de Tiryani, no distrito de Sheohar, no estado de Bihar. Shelton havia concordado e estava prestes a seguir seu caminho, quando um deles tomou a chave de sua moto, pegou seu celular e fez um sinal para seus companheiros atacá-lo.

Quando o pastor recuperou a consciência, ele se viu trancado em um quarto escuro.

“Gritei por ajuda, chorei alto, esperando que alguém ouvisse meus gritos e viesse me ajudar, mas ninguém conseguia me ouvir”, disse o pastor Shelton. “Fiquei deitado no chão sem comida ou água pelos próximos dias. Eles não me deram nada para comer ou beber”.

Sete dias depois, uma senhora que mora próximo ao cativeiro ouviu os gritos de Shelton e bateu na porta. “Ela me disse que a porta estava trancada por fora e que a abriria para mim com a condição de que eu não contasse a ninguém que ela a abriu”, disse o pastor, que lidera uma igreja doméstica de 18 pessoas.

Ele explicou o que tinha acontecido e disse que estava prestes a morrer de fome, se ela não tivesse aberto a porta. Depois de tirá-lo de lá, a senhora ofereceu comida e água. “Se ela não tivesse me ajudado, eu não estaria vivo hoje”, disse ele. “Eu creio plenamente que foi Deus quem a enviou para me ajudar”.

Reencontro com a família

Quando voltou para sua casa em Sheohar, o pastor soube pelos vizinhos que sua família o havia procurado em todo o distrito. Sua esposa havia partido com os filhos para sua cidade natal, no Nepal, que faz fronteira com o estado de Bihar, na Índia.

Sem celular e dinheiro, o pastor Shelton ficou durante semanas sem conseguir falar com a esposa. Até que, com a ajuda de outros cristãos, ele finalmente conseguiu entrar em contato e trazer sua família para casa em 28 de novembro.

Dias depois, no entanto, o pastor teve que deixar sua casa. “O proprietário da nossa casa alugada soube que fiquei trancado num quarto durante uma semana e disse que não poderia arriscar a vida de outras pessoas, sabendo que há uma ameaça à minha vida”, disse Shelton.

Com a ajuda financeira de grupos cristãos, ele conseguiu encontrar outra casa alugada. “Estou muito feliz de ver a mão do Senhor em todas as situações nos últimos dois meses”, disse o pastor. “Minha família, que pensava que eu deveria ter me perdido e morrido, voltou para me ver com vida. Damos graças e louvores ao Senhor”.

O pastor espera continuar distribuindo folhetos, mesmo depois de tudo o que passou. “Já fui atacado várias vezes por liderar uma igreja local e pregar o Evangelho nas aldeias, mas sobrevivi só por causa da graça de Deus”, disse.

Fonte: Guiame

Nenhum comentário

Postar um comentário