Pastor Samuel Cardoso, ex-presidente da Convenção Batista Brasileira, morre vítima da covid-19

Nenhum comentário
Pastor Samuel Cardoso, ex-presidente da Convenção Batista Brasileira, morre vítima da covid-19

Morreu na última sexta-feira (11) vítima da covid-19, o pastor e ex-presidente da Convenção Batista Brasileira, Samuel Cardoso Machado, aos 90 anos. Conhecido na denominação batista no Brasil, o pastor foi sepultado no sábado (12), no Cemitério Jardim da Paz, na Serra.

Durante 24 anos, Samuel Cardoso pastoreou a Primeira Igreja Batista de Vitória, sendo o responsável pela construção do templo na avenida Beira-Mar, na Esplanada Capixaba. Foi também presidente da Convenção Batista Brasileira e da Convenção Batista do Espírito Santo.

Carioca, nascido no dia 4 de janeiro de 1932, Samuel converteu-se aos 14 anos, foi batizado na igreja Batista do Zumbi, hoje Primeira Igreja Batista da Ilha do Governador – RJ.

Ingressou, em 1955, no Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil, cujo curso completou em 1958. Foi o orador da sua turma. Em 1959 foi trabalhar como missionário da Junta de Missões Estaduais da Convenção Batista do Rio Grande do Sul na cidade de Caxias do Sul, na serra gaúcha.

Começou praticamente do zero, pois não havia trabalho batista organizado naquela cidade. Tempos difíceis que, anos mais tarde, resultaram na organização de uma igreja e algumas frentes missionárias nas cidades vizinhas. Após oito anos na região, saiu para Vitória deixando aquela igreja com seu próprio templo.

No dia 4 de março de 1967, tomou posse, como Pastor, na Primeira Igreja Batista de Vitória – ES, em substituição ao pastor Nilson do Amaral Fanini, permanecendo até 13 de outubro de 1991. Foi um período de 24 anos 7 meses e 9 dias, durante o qual, além de pastorear a igreja, foi Presidente da Convenção Batista do Estado do Espírito Santo, por vários mandatos, Presidente da Junta de Missões Nacionais da Convenção Batista Brasileira e, por duas vezes, Presidente da Convenção Batista Brasileira (1987-1988 e 1988-1989).

Participou, também, como orador, de vários movimentos evangelísticos tanto no Brasil quanto no exterior (Américas, Ásia, Europa e Oriente Médio).

Em nota, a Convenção Batista do Espírito Santo (CBEES) disse que Samuel Cardoso foi importantíssimo para a consolidação da Primeira Igreja Batista de Vitória na Esplanada Capixaba.

“Foi uma obra onerosa e desafiadora que, além da dependência divina, necessitava de otimismo, coragem e decisão férrea para concluí-la. Tudo isto sem podar a igreja da sua missão de levar o Evangelho aos perdidos, fazendo-o através dos membros e dele próprio, tanto em Vitória quanto nas atividades estaduais, nacionais e internacionais. Conferências, cruzadas evangelísticas, sustento de missionários, envolvimento nas campanhas de Missões Nacionais e Mundiais continuaram a fazer parte do empenho e do cotidiano da igreja”, diz a nota assinada pelo Pastor Diego Bravim, diretor-geral da CBEES.

Fonte: Tribuna Online

Nenhum comentário

Postar um comentário