Franklin Graham: ‘Não há solução política, só Deus pode consertar um país quebrado’

Nenhum comentário
Franklin Graham: ‘Não há solução política, só Deus pode consertar um país quebrado’

Franklin Graham concedeu uma entrevista à Fox News Digital onde falou sobre a grande necessidade dos americanos para se voltar para Deus hoje.

O presidente da Samaritan's Purse e da Billy Graham Evangelistic Association também observou a importância de cargos eleitos em comunidades em toda a América – à medida que, cada vez mais, pais preocupados se posicionam contra uma cultura que não abraça os valores bíblicos.

"Os pais precisam ir aos conselhos escolares. Precisamos fazer com que homens e mulheres cristãos concorram aos conselhos escolares", declarou o líder cristão.

"As pessoas viraram as costas para Deus", disse o pastor.

"Nossos educadores tiraram Deus das escolas. Nossos políticos tiraram Deus da política. Nossa nação não é melhor [por isso]. Nossa nação é pior", afirmou o filho do evangelista Billy Graham.

Graham acrescentou que “as pessoas não sabem dizer a verdade. Elas não têm ideia do que é a verdade. Parece que vamos de mal a pior".

É por isso que "a única esperança é Deus. Só Deus pode mudar esta nação".

“E oro para que as pessoas se voltem para Deus, ore a ele e peça sua ajuda em tudo o que fazemos – e que ele abençoe esta nação”.

Graham declarou ainda que "nós nos tornamos tão violentos. Nosso entretenimento é tão violento. Deus julgou este mundo com um dilúvio. Ele inundou toda a terra - e uma das razões é porque a humanidade se tornou tão perversa e o mundo tão violenta. E veja como somos violentos hoje."

"Este é um momento crítico para nossa nação. Questões como aborto, sexualidade e gênero estão sendo politizadas como nunca antes", disse, continuando que "Nossa indústria do entretenimento empurra a violência. Ela empurra o sexo. E o pessoal de Hollywood se manifesta contra as armas - mas eles pegam armas e as glorificam".

"Estamos tão distorcidos. E espero que nossa nação acorde e veja os problemas que enfrentamos e perceba que a única esperança é Deus".

Famílias

Para as famílias, o reverendo aconselhou os pais preocupados a se tornarem mais ativos em suas comunidades e a usar suas vozes e suas crenças para defender para seus filhos.

"Os pais precisam ir aos conselhos escolares", disse ele.

“Precisamos fazer com que homens e mulheres cristãos concorram aos conselhos escolares”, acrescentou. "Acho que a autoridade eleita mais importante é um membro do conselho escolar."

“Precisamos de homens e mulheres cristãos nos conselhos escolares que possam assumir o controle de suas comunidades”, disse ele.

“Todo esse lixo e toda essa sujeira que a esquerda está empurrando nossos alunos – isso pode ser revertido se homens e mulheres cristãos concorrerem aos conselhos escolares”.

Graham também enfatizou o poder do arrependimento e confissão de pecados, especialmente durante esta época da Páscoa – um tempo de renovação e novos começos de várias maneiras.

Deus vai julgar

"Acredito que Deus vai julgar a América em algum momento", disse ele. "Ele nos deu tanto, e nós somos tão esbanjadores e tão desobedientes, e tão perversos no que estamos fazendo como nação."

“Nós apenas precisamos nos arrepender e abandonar nossos pecados. E talvez Deus nos ouça e nos perdoe”, declarou.

Ele também disse que “a única esperança para este país é Deus. E eu encorajaria as pessoas a orar - por si mesmas”.

"Apenas examine seu coração, e se há algo que não está certo em sua vida, confesse a Deus e peça seu perdão."

É muito fácil apontar o dedo e olhar para outras pessoas e o que elas estão fazendo, ele sugeriu. "Precisamos olhar para nossas próprias vidas", disse Graham. "Nós somos pecadores."

Ele enfatizou que "Deus ouve as orações".

"É por isso", disse ele, "exorto as pessoas a se voltarem para Deus - arrepender-se de seus pecados - e invocar o nome de Seu Filho Jesus Cristo".

Ucrânia

Graham retornou recentemente da Ucrânia, onde sua organização, Samaritan's Purse, está ajudando muitos ucranianos deslocados com suas necessidades mais urgentes, como alimentos e remédios, em meio à guerra Rússia-Ucrânia.

A Samaritan's Purse opera seis centros médicos em toda a Ucrânia - um hospital de emergência e cinco clínicas, observou Graham.

Fonte: Guiame com informações de Fox News

Nenhum comentário

Postar um comentário