‘O espírito de Jezabel falsifica dons, manipula e desvia pastores’, alerta teólogo

Nenhum comentário
‘O espírito de Jezabel falsifica dons, manipula e desvia pastores’, alerta teólogo

“Eu nunca gostei de falar ou focar em questões demoníacas, mas é um tema que devemos discutir", disse Ray Self, doutor em Teologia e Psicologia Cristã e fundador da Spirit Wind Ministries Inc, nos Estados Unidos. 

Ao citar o texto de Apocalipse 2.20, que fala sobre a “Igreja tolerar Jezabel”, que induz as pessoas à imoralidade sexual e à idolatria, ele lembra que Jesus, em seu ministério, tratou desse assunto quando confrontou demônios. 

“Estou muito perturbado com quantos pastores, nos últimos anos, caíram em imoralidade sexual. Quando isso acontece, não apenas a reputação do pastor é destruída, mas sua família é ferida, sua igreja é ferida e o cristianismo é atingido", ele disse.

‘Inspiração demoníaca’

O pastor explica que é muita inocência as pessoas acharem que os atuais acontecimentos “não são de inspiração demoníaca”. 

"Os pastores estão no alvo de Satanás. O espírito de Jezabel faz várias coisas,  segundo Jesus falou no livro do Apocalipse. O espírito profetiza, ensina e leva o servo de Deus ao pecado sexual”, relacionou o psicólogo.

“O espírito de Jezabel é muito perigoso e pode falsificar os dons do Espírito Santo, manipular as pessoas e falsificar a sã doutrina para desviar os pastores”, alertou.

Conforme Ray explica, não pode-se culpar Jezabel por tudo. “Ela é o que chamamos de 'influenciadora'. E Satanás tem como alvo os pastores, e uma das maiores tentações de um pastor é a tentação sexual", esclareceu. 

“Jezabel designará mulheres para tentar o pastor. A mulher ou o homem que está sob a influência de Jezabel pode não perceber que está sendo usado, e o pastor pode não estar ciente de que Jezabel está atacando até que seja tarde demais”, continuou.

A responsabilidade dos pastores

“Os pastores devem ter responsabilidade. Em nossa cultura, infelizmente, muitos deles se tornam o que chamo de ditadores benevolentes. Eles são grandes caras, carismáticos e piedosos, mas não têm responsabilidade”, disse o teólogo.

Ray explica que, em casos de ataque ou engano espiritual, é possível evitar as quedas através de uma atitude humilde e submissa em relação aos outros membros da igreja. 

"A responsabilidade traz proteção. É hora de acordarmos e reconhecermos que o espírito de Jezabel está tentando e levando os pastores à imoralidade sexual”, alertou.

“Precisamos colocar a armadura de Deus, pegar nossa espada e nunca mais permitir que esse espírito maligno destrua outro pastor ou machuque outra igreja”, concluiu.

Fonte: Guiame com informações de Charisma News

Nenhum comentário

Postar um comentário