"Eu amo os gays o suficiente para avisá-los que devem se arrepender", diz Franklin Graham

Nenhum comentário
"Eu amo os gays o suficiente para avisá-los que devem se arrepender", diz Franklin Graham

O evangelista Franklin Graham está firme contra os recentes comentários controversos do candidato presidencial democrata de 2020 Beto O'Rourke, que disse que gostaria de retirar das igrejas seu status de isenção de impostos se não apoiarem casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Graham diz que este é o indicativo de um deslize moral muito mais amplo dos progressistas na política americana.

"Acho que a esquerda, os socialistas deixaram muito claro que estão contra a igreja", disse Graham em entrevista à CBN News. "A menos que nos curvemos e aceitemos a agenda deles relacionada à agenda LGBTQ, eles aceitarão nosso status de isenção de impostos, e todos na sala aplaudiram e aplaudiram quando ele disse isso. E é claro que os outros candidatos o aplaudiram também. E isso apenas mostra onde está o coração deles e para onde eles vão".

Graham diz que não se trata de ser contra um grupo de pessoas. Em vez disso, se trata compartilhar a verdadeira liberdade e esperança que surgem de seguir os caminhos de Deus que são esclarecidos na Bíblia.

"Eu não sou anti-gay, não vou falar contra gays, brigar com gays ou qualquer coisa assim, mas certamente não quero que eles forcem sua agenda sobre mim, me obrigado a aceitar que o que eles querem dizer é verdade. Não é. É um pecado. E eu me importo com os gays, os amo o suficiente para avisá-los que devem se arrepender e que se não se arrependerem e não se afastarem de seus pecados, Deus os julgará. E Deus julgará o pecado, se nós somos mentirosos ou ladrões, todos somos pecadores e temos que nos arrepender e deixar de pecar", explicou.

"Então, eu quero que os gays e lésbicas saibam que, se eles se arrependerem, Deus os perdoará e curará seus corações. Mas não vou aceitar isso e dizer que o que eles estão fazendo está certo. Não está certo. Não está bem diante de Deus e eles estarão diante Dele um dia", continuou ele.

O que preocupa Graham não é apenas a agenda socialista da esquerda. Ele também está muito preocupado com a forma como a mensagem irá corromper os cristãos.

"Muitos cristãos, infelizmente, vão se curvar e ceder, e muitos já o fizeram, e eu simplesmente não vou fazer isso", disse ele.

Fonte: Guia-Me

Nenhum comentário

Postar um comentário