Evangelista Ravi Zacharias morre de câncer aos 74 anos

Nenhum comentário
Evangelista Ravi Zacharias morre de câncer aos 74 anos

O evangelista Ravi Zacharias morreu aos 74 anos nesta terça-feira (19), dois meses depois de anunciar que havia sido diagnosticado com câncer.

Zacharias era conhecido principalmente por sua atuação na defesa da fé cristã, concentrando-se em argumentos apologéticos sobre a existência de Deus e a coerência da cosmovisão cristã.

Ele pregou em mais de 70 países e escreveu mais de 30 livros em seus 48 anos de ministério, ensinando que o cristianismo tem respostas para todas as questões existenciais da humanidade, especialmente aos céticos.

Zacharias nasceu na Índia e foi criado em uma família anglicana, mas foi ateu até os 17 anos. Sua conversão ao cristianismo aconteceu quando leram a Bíblia para ele no hospital, após uma tentativa de suicídio. Ele emigrou para o Canadá aos 20 anos de idade.

Zacharias iniciou seu ministério com a Christian and Missionary Alliance no Canadá. Formado na Universidade Tyndale e na Universidade Internacional Trinity, ele foi contratado como evangelista para os Estados Unidos em 1977 e ordenado em 1980. Ele fundou o Ministério Internacional Ravi Zacharias em 1984 e a organização cresceu para cerca de 200 funcionários em 16 escritórios em todo o mundo, com 20 palestrantes em viagem.

Seu livro mais vendido, Pode o Homem Viver Sem Deus?, vendeu cerca de 500.000 cópias em 1995. Seu livro mais recente, A Lógica de Deus: 52 Fundamentos Cristãos Para o Coração e a Mente, ganhou o prêmio de livro cristão 2020 da Associação de Editores Cristãos Evangélicos nos EUA, na categoria de estudo da Bíblia.

No início deste ano, quando Zacharias fez uma cirurgia nas costas, ele foi diagnosticado com um tumor maligno no sacro, um osso grande e triangular localizado na base da coluna vertebral.

O ministério postou uma atualização na semana passada dizendo que o câncer de Zacharias era considerado intratável, e ele foi enviado para casa em Atlanta para ficar com sua família.

Nas redes sociais, cristãos como Lee Strobel, Tim Tebow e Christine Caine, publicaram homenagens com a hashtag #ThankYouRavi.

Ele deixa sua esposa, Margaret, e três filhos.

Fonte: Guia-Me

Nenhum comentário

Postar um comentário