Pastor e esposa moram em tenda, após casa ser destruída por gangue em Bangladesh

Nenhum comentário
Pastor e esposa moram em tenda, após casa ser destruída por gangue em Bangladesh

Na noite de 18 de outubro, um pastor de Bangladesh teve sua casa destruída por uma gangue de 25 homens armados machados e facões.

O pastor Badal Day e sua esposa, Josna Rani Day foram agredidos pelos criminosos, apesar de implorarem para que não houvesse violência.

“Nós, cristãos, somos minoria aqui. Não estamos contra ninguém. Por favor, não faça isso, tenha misericórdia de nós”, implorou o pastor aos agressores no momento do ataque.

Após a agressão, os homens reviraram tudo na casa de Badal, quebrando a televisão e outros pertences.

A gangue também destruiu a igreja que Badal Day pastoreia, derrubando porta, janelas e púlpito no templo. Tanto a casa quanto a igreja também foram incendiadas.

“Eu implorei e pedi que eles não destruíssem a igreja. Mas se recusaram a me ouvir, arruinando tudo e ateando fogo na casa e na igreja”, completou Day.

Antes de partir, os criminosos fizeram ameaças de morte ao casal, coagindo-os a fugir do local.

“Deixem este lugar em breve, se vocês quiserem sobreviver”, disse um dos agressores ao pastor. Posteriormente, o pastor recebeu a informação de que a gangue está ligada a um poderoso líder político local.

Anos atrás, esse mesmo líder político havia conseguido invadir parte de um terreno do pastor. Mas, quando o Badal tentou recuperar o terreno tomando medidas legais, foi ameaçado pelo político.

O pastor disse que a gangue está tentando pegar toda o terreno à força. Ele registrou queixa na delegacia local sobre o ocorrido e o caso segue em andamento.

Agora, sem casa e sem o templo da igreja, o casal cristão está morando em uma pequena tenda, próximo à casa destruída. Eles continuam recebendo ligações ameaçadoras, de pessoas desconhecidas, dizendo para não prosseguirem com o caso.

Nas ameaças, as pessoas dizem que as consequências da desobediência serão piores do que o que os cristãos estão enfrentando agora.

Fonte: Guiame

Nenhum comentário

Postar um comentário