“É muito possível que já estejamos no princípio das dores”, diz apologista cristão

Nenhum comentário
“É muito possível que já estejamos no princípio das dores”, diz apologista cristão

O apologista cristão Ciro Zibordi afirmou, em entrevista ao Guiame, que é possível estarmos vivendo no princípio das dores, ao analisar o contexto de pandemia que o mundo se encontra.

Baseado na corrente pré-tribulacionista – que crê que a Igreja será arrebatada antes da Grande Tribulação –, o teólogo diz que não podemos afirmar categoricamente em que período estamos, já que o arrebatamento será iminente. E lembra que os sinais mencionados na Bíblia dizem respeito ao tempo do fim, e não ao Arrebatamento.

Apesar disso, observando o que está acontecendo no mundo e considerando que os sinais são progressivos, para Ciro existe a possibilidade de estarmos na época chamada na Bíblia de princípio das dores: “o qual começa um pouco antes do Arrebatamento da Igreja e adentra os primeiros anos do período tribulacional”.

O apologista explica ainda que a Igreja está vivendo os “últimos dias” desde o dia de Pentecostes, já que Pedro interpretou a profecia de Joel 2.28-29 da seguinte forma: “E nos últimos dias acontecerá, diz Deus, que do meu Espírito derramarei sobre toda a carne” (At 2.17).

“Creio que estamos na culminância desses últimos dias, pois os sinais cósmicos mencionados por Joel ainda não se cumpriram. Ou seja, estamos muito possivelmente, nos ‘últimos dias dos últimos dias’”, esclarece Ciro Zibordi.

De acordo com Zibordi, o arrebatamento desencadeará o início do final dos tempos, seguido pelos sete anos da Grande Tribulação.

Sobre Ciro Zibordi

Ciro Zibordi é teólogo, escritor e membro da Casa de Letras Emílio Conde e da Academia Evangélica de Letras do Brasil.

Autor de vários best-seller da CPAD (Casa Publicadora das Assembleias de Deus) como “Erros que pregadores devem evitar”, “Evangelhos que Paulo jamais pregaria” e “Teologia Sistemática Pentecostal”(co-autor).

Também é professor do Centro Educacional Teológico das Assembleias de Deus no Brasil (CETADEB) e pastor na Igreja Assembleia de Deus.

Fonte: Guiame

Nenhum comentário

Postar um comentário