Pastor abre igreja para desabrigados durante enchente em Minas Gerais

Nenhum comentário
Pastor abre igreja para desabrigados durante enchente em Minas Gerais

No sábado (8), os moradores de Santa Luzia, cidade da região metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais, foram surpreendidos por fortes chuvas que fizeram o Rio das Velhas transbordar e inundar o município.

De acordo o jornal local Noticiando Santa Luzia, os bairros localizados às margens do rio foram tomados pela água, obrigando os moradores a abandonarem suas casas. A enchente, considerada a pior em anos, também atingiu avenidas e estabelecimentos comerciais da cidade.

As duas pontes sobre o Rio das Velhas foram interditadas pela Defesa Civil e Santa Luzia permaneceu ilhada e sem acesso até a segunda (10), segundo o jornal Estado de Minas. A prefeitura decretou estado de emergência e pedidos de doações começaram a ser feitos. 

Em meio ao desespero das muitas famílias que lutavam para salvar suas vidas e seus pertences, o pastor Juvenal da Silveira, da Assembleia de Deus, abriu as portas da igreja para os desabrigados, incluindo sua própria família. O líder também teve sua casa inundada, onde mora com a esposa, filhos, genro e netos. 

Juvenal contou ao Guiame que a igreja passou a ser abrigo para 8 famílias e também um local para guardar móveis e eletrodomésticos, que os moradores conseguiram salvar da água. O templo da AD logo se tornou um ponto de ajuda para a comunidade afetada.

Com o apoio da ONG Solidariedade, a igreja está distribuindo marmitas e café da manhã para os moradores. O pastor Juvenal ligou para algumas famílias, oferecendo as refeições. Uma delas foi a família da jornalista cristã Elis Amâncio, que também teve sua residência, localizada a cerca de 500 metros do Rio das Velhas, atingida pela enchente. 

Elis, que enfrenta um alagamento pela segunda vez, disse que está confiando na providência e na soberania de Deus. “Apesar de sabermos que Deus proverá, dói bastante. Tá tudo embaixo da água. Mas, fica a certeza de nossa fé! Não entendemos agora, mas, entenderemos depois. Fica aqui a gratidão pelo livramento mais uma vez, o Senhor guardou nossa família”, escreveu a cristã em post no seu instagram, na segunda-feira (10).

Nas redes sociais, a jornalista recebeu o apoio de líderes cristãos, como a cantora Nívea Soares, a pastora Helena Tannure e o pastor Lucinho. 

Arrecadações

Nesta terça-feira (11), depois de receber atendimento médico por um corte no pé e resfriado, causados pelo trabalho na enchente, o pastor Juvenal seguiu ajudando na limpeza das casas. De acordo com ele, em algumas regiões ainda falta água e a higienização terá que ser feita apenas com a ajuda de enxada e rodo.

Segundo o líder, as doações mais necessárias agora são as de produtos de limpeza, usados para desinfetar as residências, que ficaram cheias de lama, sujeira e mau cheiro, e cestas básicas. Para contribuir, entre em contato diretamente com o pastor Juvenal pelo telefone (31) 9241-4806.  

Fonte: Guiame

Nenhum comentário

Postar um comentário